19/08/2015 22h50 - Atualizado em 19/08/2015 22h55

Preste muita atenção na hora de abastecer o carro

Tanto aquela arredondada na hora de encher o tanque quanto o tanque somente na reserva pode causar prejuízos

Por: Felipe Bortoloto
    

A prática de ir além do primeiro clique da bomba de combustível na hora de abastecer pode danificar o cânister, peça que absorve os gases que evaporam do combustível, e que fica próxima ao bocal do reservatório.

No interior dessa peça há carvão ativado, se o combustível transborda e danifica o cânister, dependendo do modelo e ano de fabricação do veículo, o raparo pode chegar a R$ 600.

Com isso o veículo passa a consumir mais combustível, pois deixa de mandar os vapores de volta ao sistema de admissão.

O outro lado da moeda fica por conta de rodar com o taque vazio, sempre na reserva. A bomba elétrica, responsável por enviar o combustível ao motor, trabalha mergulhada no próprio combustível que funciona como um sistema de resfriamento.

Caso o combustível esteja baixo, pode ocorrer uma elevação de temperatura, o que causará a queima da bomba. Outro risco de rodar com o tanque na reserva, é que o acumulo de partículas de sujeira no fundo do reservatório pode ser enviado para o sistema de alimentação, causando assim um entupimento nas mangueiras e filtros.

 

É proibida a reprodução de qualquer material publicado pela Destaque Carros entendendo-se por reprodução todas as formas possíveis de cópia e distribuição, salvo quando existir prévia autorização por escrito dos responsáveis da Destaque Carros.