28/04/2013 07h47 - Atualizado em 29/04/2013 08h20

A história do Fusca, o carro mais famoso do mundo!

Mesmo depois de tantos anos sem ser fabricado, os antigos fuscas são motivo de orgulho, satisfação e ciúmes para os seus atuais colecionadores.

Por: Destaque Carros
    

Ele sempre foi uma preferência nacional, e volta como grande objeto de desejo, sim o Fusca. Mesmo depois de tantos anos sem ser fabricado, os antigos fuscas são motivo de orgulho, satisfação e ciúmes para os seus atuais colecionadores, ele é tratado como membro da família.

O que ninguém pode negar é que quando carro sai de linha ele costuma perder muito o seu valor, mas o velho fusca, nunca saiu de moda, e não é por menos que ele tem sua legião de apaixonados. Com sua grande valorização, o seu preço está eminente variando de dez a cem mil reais, mas afinal o que esse carrinho tem, que todo mundo se apaixona por ele, além de ser extremamente forte, de manutenção barata e que aguenta altas temperaturas.

Aos seus longos e glamorosos 77 anos o Fusca com o toda sua simplicidade e carisma, vem conquistando muitos fãs por mundo a fora, tem muitos que carinhosamente tem nomes, e com todos os cuidados especiais para mantê-lo sempre impecáveis. Como dizem “os Fuscas são antigos e não velhos”.

Para quem gosta, essa relíquia possui um valor sentimental que não tem preço.

Fusca 1965 com Teto Solar Foto: Fusca 1965 com Teto Solar  Imagem: Divulgação 

No ano de 1959 surge o primeiro Fusca fabricado no Brasil pela Volkswagen, em 1965 era lançado o maravilhoso Fusca com teto solar, no ano de 1971 veio o Fuscão.

Com muitas mudanças no decorrer dos anos a Volkswagen em 1986 suspendeu a sua produção, alegando que o modelo estava muito caído em desuso, porém em 1993 o presidente Itamar Franco solicitou a empresa Volkswagen à volta da fabricação do veiculo, por considerar que o carro fosse acessível e de valor baixo para a população.

O inicio da maior obra de arte sobre rodas de todos os tempos

Hitler e Ferdinand Porsch vendo projeto do Fusca Foto: Hitler (centro), Ferdinand Porsch (Esquerda) durante a apresentação do projeto do Fusca    Imagem: Divulgação

Adolf Hitler desde jovem era um apaixonado por veículos e Ferdinand Porsch Engenheiro automotivo, era obcecado pela ideia em construir um carro para o povo, em 1931 iniciou o projeto de automóveis simples que conforme o tempo seria aprimorado, pouco tempo depois Adolf e Ferdinand discutiam o projeto “carro do povo”, e entre algumas exigências do projeto, Hitler queria que atendessem as necessidades do povo alemão, o veiculo tinha que ser pequeno e econômico que pudesse levar quatro pessoas, que tivesse motor refrigerado a ar e chegasse a 100 km por hr e que seu consumo não ultrapassasse 13 km/litro, e com preço inferior, porém em 1934 Porsch apresenta o projeto final, o motor á ar seria na traseira do veiculo, pois traria inúmeras vantagens, porém o seu valor era superior ao exigido, não se sabe ao certo como terminou essa conversa, mas há aqueles que creditam que Adolf Hitler deu 24 horas que Ferdinand Porsch encontrasse uma solução para a redução do preço do projeto. O Fusca nasceu em 1936, pouco antes da 2º guerra mundial, porém outras foram feitas especialmente para os combates, após a guerra o Fusca ficou conhecido como o Besouro, que futuramente seria um dos maiores sucessos automotivos.

Curiosidades

No dia 22 de Junho é comemorado o dia Internacional do Fusca

É proibida a reprodução de qualquer material publicado pela Destaque Carros entendendo-se por reprodução todas as formas possíveis de cópia e distribuição, salvo quando existir prévia autorização por escrito dos responsáveis da Destaque Carros.